Superficialidade cotidiana

No post A era da distração digital, a Nana escreveu o seguinte comentário: “Dizem que somos a geração que menos produziu conteúdo com profundidade. Somos especialistas em entender de tudo-um-pouco por conta de tanta informação disponível.” Com milhares de informações disponíveis 24 horas por dia, não é de se admirar que o caminho da superficialidade seja … Ler mais

Um conjunto admirável de qualidades

Amizade. Motivação. Fidelidade. Companheirismo. Trabalho em equipe. Força de vontade. Ânimo. Bom humor. Gratidão. Não é muito comum que todas as características positivas acima sejam encontradas em uma única pessoa de convívio muito próximo. Sempre haverá uma ou outra dessas características ausentes. A vantagem é a possibilidade de desenvolver tais virtudes de forma a tornar-se … Ler mais

O vício do apego

No post 5S, o Toninho incluiu em seu comentário um termo que achei muito interessante e que se tornou o título desse post. A aquisição de bens materiais era muito mais difícil para as gerações anteriores, por isso havia uma certa tendência à acumulação e muitas vezes também ao apego. Aqui eu gostaria de excluir … Ler mais

Você consome ou é consumido?

Vivemos em uma época na qual há uma forte crença de que o consumo de determinados produtos é praticamente uma garantia de bem-estar, admiração e valorização. Você já deve ter visto a cena: um automóvel muito caro passando por uma rua e várias pessoas olhando com admiração, como se tal situação fosse até um desfile. … Ler mais

Há um tempo certo para cada coisa na vida

Tudo tem uma razão de ser de acordo com nossas escolhas passadas. Inevitavelmente sempre colheremos o que um dia plantamos. Muitas vezes a colheita pode até demorar mais, como no caso de hábitos alimentares errados, mas a demora não significa que não haverá colheita. Aliás, não é raro que a colheita seja bem difícil e que … Ler mais