Ignorância Seletiva

O excesso de informações e estímulos mentais aos quais somos expostos diariamente é enorme, mas não costumamos dar muita – ou nenhuma – atenção a essa questão. Muitas vezes, isso ocorre não por falta de interesse, mas simplesmente por falta de conhecimento. Para melhor compreensão sobre o assunto, sugiro um exercício: pense na quantidade de … Ler mais

Entretenimento x contentamento

Há algum tempo, em uma conversa entre colegas, ouvi algo que merece um post.  Era manhã de segunda-feira e um deles falou, todo sorridente: – Passei o fim de semana inteiro assistindo o seriado X no N….x. – Que legal! Eu também preciso (precisa mesmo?) assistir o seriado Y – outro respondeu.     Aparentemente … Ler mais

Shopping Center

Nunca gostei de shoppings centers. Como o próprio nome diz, sempre os vi em primeiro lugar como locais de consumo, muitas vezes impulsivos ou compulsivos. Locais onde o layout, a iluminação, a temperatura, os sons e os perfumes são minuciosamente planejados de forma a proporcionar sensações de bem-estar e tranquilidade, que por sua vez geram … Ler mais

É para isso que você trabalha

Há alguns meses vi uma propaganda de um automóvel com a frase-título deste post. Então pergunto: É? É para isso mesmo que você trabalha? Frase simples, comum, muito conhecida. Frase afirmativa, quase imperativa. Frase daquelas que tocam emocionalmente as pessoas, incentivando-as ao consumo – uma das principais atribuições do tão poderoso marketing da atualidade. Fiquei … Ler mais