O que merece e o que tem recebido a sua atenção?

O que você acredita que merece a sua atenção no cotidiano?

E o que realmente tem recebido a sua atenção?

Em geral somos incoerentes, pois o que não merece tanto a nossa atenção parece até ter uma espécie de atrativo. E quando percebemos, já gastamos muito tempo pensando ou fazendo algo que não merecia tanta dedicação de nossa parte.

Veja alguns exemplos:

– Terminar de ler um livro, ver um filme ou zerar um jogo que você não está gostando. Como começou, acredita que precisa ir até o final para ter um bom sentimento de ter cumprido o seu objetivo inicial.

– “Maratonar” uma série que não é do seu agrado. Como “todo mundo” está assistindo, você se sente meio que obrigado a assistir também.

– Remoer fatos desagradáveis do passado ou deixar que algum imprevisto que ocorreu pela manhã estrague o seu dia inteiro.

– Acreditar que os problemas sempre se resolvem sem muito esforço, que planejamento não é algo muito importante e que viver no estilo “deixe a vida me levar” é o melhor caminho.

– Preferir não pensar nos malefícios dos produtos alimentícios altamente processados, continuar os consumindo e não se interessar em encontrar um estilo de alimentação mais saudável.

– Ser intolerante ou impaciente com familiares mais próximos e ser a pessoa mais amável do mundo com todas as outras pessoas do seu círculo de amizades.

– Passar horas nas redes sociais lendo mensagens ou assistindo vídeos que não apresentam nenhum conteúdo que seja útil ou que tenha algum valor real para você.

 

Relógio na grama com a frase: tempo para mudar. O que merece e o que de fato tem recebido a sua atenção?

 

Como foi o seu dia ontem?

Quais foram os fatos que você considera como importantes no seu dia de ontem?

Pense em um ou dois deles.

Você deu a atenção necessária, estava realmente presente nesses momentos?

Ou estava mais ocupado com algo no celular?

Ou deixou a mente divagar em qualquer coisa, pois a situação do momento era entediante ou desagradável?

Agora, pense em um ou dois fatos que considera como os menos importantes do seu dia de ontem, mas que receberam mais atenção do que de fato mereciam.

Por que você acredita que agiu dessa forma?

Você já parou para pensar que enquanto dedica seu tempo e atenção à algo não tão importante, o que realmente merece a sua atenção é prejudicado?

 

Prioridades

Em um mundo no qual há infinitas opções de atividades, distrações e ilusões, torna-se até difícil separar o joio do trigo e dar mais valor ao que realmente importa.

Até porque nem sempre o que importa é bonitinho, fofinho, divertido ou uma agradável novidade.

Na realidade, as coisas que mais importam e que mais merecem a nossa atenção são as rotineiras, aquelas que muitas vezes nos desanimam e nos estressam. Mas será que isso não ocorre exatamente por que a atenção que merecem é destinada à outras menos importantes?

Quantas vezes ao chegar em casa, seu cônjuge, filho ou bichinho de estimação queriam a sua atenção, mas você não largou o celular e continuou ainda por um bom tempo nas redes sociais?

Quantas vezes você preferiu assistir um jornal na televisão a brincar com seus filhos, sendo que jornais e notícias ruins sempre existirão, porém os filhos crescem e em pouco tempo serão eles que não irão mais querer brincar com você?

 

O tempo passa rápido

Como eu disse em outro post, os últimos 20 anos passaram rápido demais.

Eu sei que durante esse período gastei e perdi muito tempo com coisas que não valeram a pena. Talvez você também tenha cometido o mesmo erro.

E então, acabamos pensando: “se eu pudesse voltar no tempo, faria diferente”.

O problema é que essa opção não está disponível.

O que temos de verdade é o momento presente, onde a vida realmente acontece.

        

E temos também o futuro, que um dia poderá se tornar presente. Ao menos é isso o que esperamos.

 

Dê atenção ao que realmente importa

Para que a partir de hoje o seu passado comece a trazer mais alegrias do que tristezas e arrependimentos, dê mais atenção ao que realmente importa para você.

Não deixe para começar amanhã.

Comece hoje.

Comece agora.

Veja algumas sugestões de como e por onde começar:

1) Elogie uma pessoa querida.

2) Sorria.

3) Tenha uma alimentação mais saudável e equilibrada.

4) Pratique exercícios físicos.

5) Durma o suficiente.

6) Invista mais e gaste menos com coisas desnecessárias.

7) Seja sincero e coerente. Consigo mesmo e com os outros.

8) Faça o que precisa ser feito. Não fique apenas no mundo das palavras, das desculpas e das justificativas. Tome atitudes.

9) Cultive bons relacionamentos.

10) Simplifique sua rotina.

11) Surpreenda as pessoas que você ama.

12) Pratique a gratidão.

 

flor com emoticon sorrindo e água por baixo

 

Dê mais atenção ao que realmente merece a sua atenção.

Valorize o que tem valor para você.

No final das contas, são atitudes como essas que tornam a vida mais leve, feliz, saudável, agradável, incrível e extraordinária.

 

Uma semana após a publicação do meu post, o Guilherme, do blog Valores Reais escreveu um excelente texto também sobre esse tema:  Como melhorar a qualidade de seu descanso, sob o ponto de vista da atenção.

Vale a pena conferir!

 

Créditos das imagens: Pixabay

 

        

4 thoughts on “O que merece e o que tem recebido a sua atenção?”

  1. Muito lindo teu post e resumindo, precisamos ver e estar atentos a não desperdiçar tempo com coisas negativas. O bem, o que nos faz bem, o que ajuda a nós e outros ,isso sempre merece nosso tempo! Gostei de ler! Belos recados! beijos, lindo dia! chica

    Reply
    • chica,

      “O bem, o que nos faz bem, o que ajuda a nós e outros, isso sempre merece nosso tempo!”
      Uma frase tão simples, mas tão rica em sabedoria! Penso que o que disse deveria ser praticado diariamente, durante todos os dias de nossas vidas.

      Aliás, o resultado que temos hoje, nesse exato momento, de tudo o que fizemos no passado mostra por si mesmo se cultivamos o que nos faz bem ou se fizemos o contrário.

      Abraços,

      Reply
  2. Excelente texto, Rosana!

    Essa questão do foco na “atenção” em si é realmente algo surpreendente, que nos leva a reflexões profundas sobre o modo como dirigimos as nossas vidas.

    E eis aqui mais uma incrível coincidência! Eu estou preparando um post semana que vem abordando exatamente sobre o tema da atenção, mais especificamente sobre como melhorar a qualidade de nossos intervalos de descanso, a fim de melhorar a atenção, a atenção dirigida e focada nas coisas certas, como você, de modo esplêndido, abordou nesse post de hoje.

    Parabéns pelo texto, e tenha uma excelente semana!

    Reply
    • Guilherme,

      Que coincidência o seu post ser sobre o mesmo assunto!
      Assim que estiver no ar, vou colocar seu link aqui também.

      Bom saber que gostou do meu texto! 🙂

      Abraços,

      Reply

Leave a Comment